fbpx

Agosto Lilás: Emília fala sobre o combate à violência contra mulher

Agosto Lilás: Emília fala sobre o combate à violência contra mulher

 

No mês que tem o objetivo de discutir temas relacionados ao enfrentamento da violência contra as mulheres em suas diversas formas, a vereadora Emília Corrêa (Patriota) que também ocupa a função de Presidente da Procuradoria da Mulher no Legislativo Municipal, destacou, na Tribuna, a importância de criar ações de conscientização sobre o assunto.

“Esse é um debate necessário que envolva todas as esferas. Todo o ano. Neste mês, incansavelmente. Trata-se de um problema social e que, infelizmente, só aumenta. Políticas públicas, ações preventivas para coibir este crime nunca serão demais”, declarou.

Autora de várias Leis nesse sentido, a vereadora chamou atenção da CMA em aderir à campanhas de conscientização e reforçou que também propôs Emendas à Lei de Diretrizes, Orçamentárias (LDO/2023), prestes a ser votada, com o mesmo intuito. “Somos uma Casa que elabora leis, mas muitas vezes, não cumprimos. Vejo em outras instituições as fachadas do prédio iluminada com a cor lilás em alusão ao tema, aqui, não temos. Precisamos repensar sobre isso. E já adianto, que na LDO teremos muitas Emendas direcionadas às mulheres”, afirmou.

Leis em Vigor

Algumas das Leis da oposicionista já em vigor no município, trata-se da que prevê fixação de cartazes explicativos, n. 5.378/2021, em órgãos públicos contendo informações educativas e preventivas do abuso sexual e violência contra a mulher e assédio moral, e a mais recente n. 5.474/2022, que estabelece a data 25 de outubro o “Dia Municipal Contra a Exploração da Mulher. “São duas, entre tantas, pois estou engajada nesta pauta que visa a mudança do comportamento social de violência desde o primeiro mandato. A luta é constante. É inaceitável que as mulheres continuem sendo vítimas de uma sociedade machista e violenta”, concluiu.

 

Ascom

📸 Gilton Rosas

Compartilhar este post