fbpx

Emília cobra abrigos na Zona de Expansão

Emília cobra abrigos na Zona de Expansão

 

“Enquanto na Hermes Fontes cada abrigo de ônibus custou a bagatela de R$ 31.648,06, no Mosqueiro, a população que depende do transporte público não tem nem a dignidade de aguardar em um local coberto”, foi com essa fala que a vereadora Emília Corrêa (Patriota) iniciou sua fala no Legislativo Municipal ao abordar a necessidade dos moradores da zona de expansão de Aracaju.

A oposicionista, que sempre faz questão de discursar mostrando imagens/vídeos comprovando os fatos, afirmou, que, problemas como esse são antigos, desde a legislatura passada, antepassada e existem em vários bairros da cidade. “São problemas primários. Há anos esse comunidade sofre com isso. Estou mostrando, especificamente, no Mosqueiro, mas não precisa ir muito longe para comprovar outras realidades como essa. É por isso que eu falo: fazendo o básico, já torna uma ‘Cidade Humana e Inteligente’, não precisa fazer somente obras estruturantes e esquecer que as pessoas necessitam do mínimo para ter dignidade”, afirmou.

Ainda segundo a parlamentar, há outros exemplos de problemas recorrentes, mencionados em sua fala, mas, que, por falta de tempo, não teve oportunidade de se aprofundar. “Obras com qualidade péssima, falta de mobilidade, acessibilidade, poderia citar, aqui muitos outros, isso já têm anos. Se eu estou cansada de bater sempre na mesma tecla, imagine como não está os aracajuanos(as) que lidam com isso diariamente. É lamentável”, declarou.

 

Ascom

📸César de Oliveira

Compartilhar este post