fbpx

Emília Corrêa: Esqueceram de incluir acessibilidade na ‘Cidade do Futuro’

Emília Corrêa: Esqueceram de incluir acessibilidade na ‘Cidade do Futuro’

Inaugurada há menos de um mês, a reurbanização da praça da rua Bela Vista, no bairro Santos Dumont, pode ter sido benéfica para os esportistas e comunidade, como é veiculada nas propagandas da gestão, mas não é para quem sofre de algum tipo de limitação. Assim avalia a vereadora Emília Corrêa (Patriota), que levou o assunto para o Legislativo Municipal e, criticou, a falta de acessibilidade no local, mostrando exemplos através de imagens.

“São valores exorbitantes direcionados para obras mal feitas e sem inclusão. É uma falta de respeito absurda com os aracajuanos(as) que pagam seus impostos e não podem desfrutar desses ambientes, simplesmente, porque estão sendo ‘esquecidos’, ‘ignorados’. Como pode?, questionou Emília.

A líder da oposição na Casa, fez questão, ainda, de mencionar alguns detalhes relacionados ao serviço executado na praça. “O valor inicial era de R$430mil, com assinatura da obra em 1º de junho de 2020, e previsão de entrega para outubro do mesmo ano, porém, como é algo comum em toda a cidade, teve aquisição de mais quatro aditivos, e o valor total passou a ser de R$536mil. Temos acesso à esses dados, e estamos destacando, para mostrar que estamos atentos a tudo. Nosso dever de casa está sendo feito. Não adianta fazer obras grandiosas, de encher os olhos, sem qualidade e inclusão”, declarou.

 

Ascom

📸 Gilton Rosas

Compartilhar este post